A Acupuntura é uma terapia milenar originária da China, que consiste na aplicação de agulhas em pontos específicos do corpo para tratar doenças e promover saúde. Estas agulhas, quando aplicadas sobre os pontos de acupuntura e meridianos, são capazes de tratar diversas doenças físicas ou emocionais como sinusite, asma, enxaqueca ou artrite por exemplo, além de melhorar o sistema imunológico, ansiedade e depressão.

​​

A inserção das agulhas de acupuntura estimula regiões do cérebro, órgãos vitais, músculos e outros tecidos do corpo, com diferentes ações, como ação analgésica ou anti-inflamatória, por exemplo.

Porém a terapia chinesa é muito mais ampla que a Acupuntura; essa na verdade é só um dos ramos da Medicina Chinesa, como a Ventosaterapia, Moxaterapia e Gua Sha (massagem e fricção com pedras). A Medicina Chinesa se desenvolveu nos últimos dez mil anos, e em diferentes regiões da China, surgiram diferentes pensadores, diferentes técnicas e tratamentos. Hoje com a modernidade e globalização, temos a oportunidade de reunir as principais técnicas chinesas em um sistema integrado de terapias.

Isso nos possibilita utilizar a acupuntura e outros recursos com muito mais eficiência e alcance terapêutico, como por exemplo massagens com ventosa aliada a óleos medicados com plantas, tendo como resultado uma massagem muito mais poderosa nos casos de acidentes, travamento de coluna e dores musculares intensas. Outros exemplos seriam combinações de técnicas para tratar gripes, resfriados e baixa imunidade, problemas menstruais e ciclo desregulado, problemas digestivos, do sono e da mente, como ansiedade e tristeza. São diversos os benefícios da milenar Acupuntura, tratando corpo e mente em unidade.

gabriel maia lello
naturólogo

 

 

Terapeuta com formação superior em Naturologia, Pós-Graduado em Psicologia, Acupuntura e Medicina Chinesa. É profissional especializado em Fitoterapia, Aromaterapia, Florais de Bach, Massagem Ayurvédica, Bioenergética, Reiki e outras terapias naturais.

Morou e conviveu junto a comunidades indígenas e caboclas na Amazônia, aprofundando seus estudos em Terapias Nativas e com as Medicinas da Floresta, se tornando homem medicina no xamanismo e uma referência em Saúde e Espiritualidade.

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon